Entrega do Prêmio Eduardo Frieiro

A cozinha mineira encanta não somente por ser a mais característica do Brasil, mas, sobretudo porque é feita de pratos ricos em sabor e cheiosde histórias próprias. São histórias bem brasileiras que remontam à época dos escravos do ciclo do ouro, das pedras preciosas e que nosfalam de cidades importantes como Mariana, Ouro Preto, Tiradentes, São João Del Rei, Congonhas, Diamantina, Sabará e muitas outras, onde se escreveram muitas páginas da história mineira e brasileira.

Investir na Gastronomia, uma vocação natural dos mineiros, permite manter atradição do Estado de Minas Gerais, preservando sua identidade. As cozinhas regionais tentam mesmo com a globalização preservar o que lhe é peculiar, pois é isso exatamente que os faz diferentes do resto do mundo, com a cozinha regional de quintal e todas as peculiaridades inerentes a ela.

O objetivo do prêmio é valorizar o modo de fazer das iguarias, que já são premiadas em todo o Estado. Os critérios de escolha, para a entrega do prêmio, envolve os já consagrados festivais do interior de minas, quitandas, café, vinho, cerveja, queijos, pratos típicos, festas religiosas, dentre outras que fazem de nossa culinária a nossa cultura. Os prêmios foram conferidos às pessoas ou receitas já reconhecidas em seus eventos de origem, visando o reconhecimento estadual do trabalho de sustentabilidade e originalidade do modo de fazer das iguarias.

Agraciados 2019

• Antônio Augusto Marcellini – Grupo “Era uma vez um chalezinho”

Por ter sido o presidente e fundador da Abrasel nacional e pioneirismo na criação do grupo “Era uma vez um chalezinho”.

• Ricardo Rodrigues – Restaurante Maria das Tranças

O único estabelecimento a ter autorização sanitária para a produção do frango ao molho pardo e também pelo trabalho desenvolvido na Frente da Gastronomia Mineira e Abrasel-MG.

• Ivo Faria – Restaurante Vecchio Sogno

Celebrando seus 50 anos de profissão contribuindo para o desenvolvimento da gastronomia mineira e por ter sido premiado como “Personalidade da Gastronomia” pela revista Prazeres da Mesa.

• Ivair Oliveira – Queijo do Ivair

Pela reconhecida excelência na produção queijeira, atingindo como resultado a medalha Super Ouro no MondialduFromage, a maior premiação de queijos do mundo.

• Anna Marina – Jornal Estado de Minas

Destaque no pioneirismo em apoiar e incentivar matérias jornalísticas sobre a gastronomia em jornais impressos.

• Felipe Risola e Marcelo Haddad – Circuito Gastronômico da Pampulha

Pela produção e organização do Circuito Gastronômico da Pampulha que comemora este ano 10 anos.

• Arnaldo Ribeiro – Queijaria Vale da Gurita

Pela reconhecida excelência na produção queijeira, atingindo como resultado a medalha Super Ouro no MondialduFromage, a maior premiação de queijos do mundo.

• Moacir Carvalho Dias – Fazenda Irarema

Pelo destaque na produção de azeites de alta qualidade na única fazenda movida 100% a energia solar.

• Débora Rabelo – Café Abraço

Pelo trabalho de agroecologia e orgânicos e também pela personalização das embalagens e valorização dos produtores.

• André Sá Fortes – YVY Destilaria

Pela produção e criação do gim mineiro YVY e também pela pesquisa e inovação dos terroirs nacionais com os lançamentos da coleção “Biomas Brasileiros”.

• Sebastiana de Oliveira Faria

Pelo prêmio recebido como mulher empreendedora do café e campeã no Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais na categoria “Café Cereja” em 2017, colecionando mais de 10 prêmios pela qualidade do seu café.

• Jair Batista de Oliveira – Banca do Abacaxi Mercado Central

Pelos 67 anos de história.

• Daniel Neto “Nenel” – Blog Baixa Gastronomia

Pelo destaque no trabalho de valorização da cultura alimentar popular de Belo Horizonte.

• André Paixão, Alessandro Fontenelle e Túlio Silva – Cervejaria Verace

Pelas 7 medalhas no Concurso Brasileiro de Cervejas 2019, pela produção de cervejas com levedura selvagem e por ter sido a cerveja oficial do Guia Michelin em São Paulo.

• Leila do Carmo e Margarida Maria – Café Sítio da Serra

Pelos prêmios recebidos em diversos concursos regionais, pelo selo Certifica Minas Café desde 2011 e pela edição especial do café homenageando mulheres no rótulo.

• Silmar de Castro Mota – Santuário do Mergulhão

Pela reconhecida excelência na produção queijeira, atingindo como resultado a medalha Super Ouro no MondialduFromage, a maior premiação de queijos do mundo.

• Cleusa Silva e Ludmila Campos – Restaurante TipTop

Comemoração dos 90 anos de funcionamento, sendo administrado somente por mulheres desde sua inauguração.

• Elizabeth das Dores – Beth dos Licores e Doces

Pela produção artesanal de licores e doces de forma agroecológica e sustentável, tendo reconhecimento nacional dos seus produtos.

• Lucas, Antônio, Gabriel, Raí e Rodolfo Amorim – Tradicional Limonada Mercado Central

Pelos 81 anos de história comandada pela terceira geração da família.

• João Lúcio e Luiz Fernando – Café Palhares

Comemoração dos 81 anos de fundação e pela criação do KAOL, prato tradicional da cozinha mineira.

Edições Anteriores:

Premio Eduardo Frieiro

  • Fernando Pimentel – Governador do Estado de Minas Gerais
  • Angelo Oswaldo de Araújo Santos – Secretário de Estado de Cultura de Minas Gerais
  • Agostinho Patrus Filho – Deputado Estadual
  • Pedro Cláudio Coutinho Leitão
  • Luiz Carlos de Oliveira – Capril Santa Fé – Barbacena MG
  • Rosana Lago e Luiz Lago – Sítio Juranda – Campestre MG
  • Eduardo Girão – Jornalista
  • Terezinha e Arnaldo Valentim – Cordeiro & Cia Sítio Urucum – Lima Duarte – MG
  • Cervejaria Verace
  • Cervejaria Backer
  • Filipe Brasil – Engarrafados
  • Ana Paula Beloto – Sandéleh Alimentos
  • Bruno Souza – Academia do Café
  • Programa Terra de Minas – Rede Globo
  • Carla Retuci e Mario Borriello – Azeite Borriello
  • José Baltazar da Silva – Queijo da Serra do Salitre – MG
  • Cachaça Vale Verde
  • José Arilson Felipe – Associação dos Empreendedores Autônomos do Segmento de Alimentação de Pouso Alegre/MG (ASSEASAPA)

Certificado da FGM

Premio Eduardo Frieiro

  • PRODUTOR EDUARDO JUNQUEIRA, COM O VINHO MARIA MARIA BEL SAUVIGNO BLANC 2015
  • PRODUTOR TÚLIO MADUREIRA, PRODUTOR DO QUEIJO DO SERRO
  • QUEIJO ARAXÁ FAZENDA CAXAMBU
  • CACHAÇA PROSA MINEIRA
  • PRODUTOS VIÇOSA, FUNDAÇÃO ARTHUR BERNADES – FUNARBE
  • CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA
  • CAFÉ FAZENDA GUARIROBA
  • JORNALISTA ELIAS BATISTA, AUTOR DO LIVRO VINHO E POLÍTICA MOMENTOS SABOROSOS DE GRANDES ESTADISTAS EM ANDRADAS
  • FLÁVIO TROMBINO,  CHEF DE COZINHA, PELO PREMI DOLMÃ MINAS GERAIS 2016
  • EMPRESA FORNO DE MINAS
  • COOPERATIVA MISTA AGROPECUÁRIA DE PATOS DE MINAS, DA MANTEIGA COOPATOS
  • PROJETO “DE GRÃO EM GRÃO, TURISMO SENSORIAL ADAPTADO PARA DEFICIENTES VISUAIS EM LAVOURAS DE CAFÉ”, EXECUTADO PELA FLANAR TURISMO, DE UBERLÂNDIA
  • CAPRIL RANCHO CAMPO DAS VERTENTES
  • CERVEJARIA FALKE BIER PELA PREMIAÇÃO DA CERVEJA FALKE OURO PRETO
  • RESTAURANTE GLOUTON
  • CERVEJARIA BACKER
  • CERVEJARIA WALLS
  • CUM PANIO
  • PRODUTOR EDUARDO JUNQUEIRA, COM O VINHO MARIA MARIA BEL SAUVIGNO BLANC 2015
  • PRODUTOR TÚLIO MADUREIRA, PRODUTOR DO QUEIJO DO SERRO
  • QUEIJO ARAXÁ FAZENDA CAXAMBU
  • CACHAÇA PROSA MINEIRA
  • ALAN KELLER, PROJETO DAS HORTAS URBANAS COMUNITÁRIAS
  • FESTIVAL DIAMANTINA GOURMET
  • SR. JOSÉ LÚCIO MENDES FERREIRA, EXPO CACHAÇA
  • NORMA SUELI, DO RESTAURANTE PAULO DAS TRUTAS, DE MONTE VERDEaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
  • SAMUEL MANGIA, PRODUTOR DO CAFÉ TEQUILA
  • ESPECIAL DA MANTIQUEIRA
  • LEITERIA CABRIOLA DE JUIZ DE FORA.
  • ASSOCIAÇÃO DOS PRODUTORES DE QUEIJO DA CANASTRA – APROCAN
  • ASSOCIAÇÃO DOS OLIVICULTORES DOS CONTRAFORTES DA MANTIQUEIRA DA ASSOOLIVE
  • SR. JOSÉ MAGELA DE OLIVEIRA, COM O RESTAURANTE DOM ZÉ, DE ITAPECERICA
  • BRUNO LINS, DA FEIRA GASTRONÔMICA EXPERIMENTE
  • DA ROÇA CAPITAL
  • SRA. KIKA CHAVES, DA CACHAÇA PRAZER DE MINAS, DE ESMERALDAS
  • DONA DIRCE DA SILVA DE ARAUJO, DESTAQUE DE BETIM PELO RESTAURANTE DONA DIRCE

Certificado da FGM

Premio Eduardo Frieiro

  • Ari Kespers – Provence & Cottage Bistrô
  • Aristides Dias – Doce de Leite Viçosa
  • Clayton Barrossa Café Ninho da Águia –
  • Frederico Trindade – Restaurante Trindade
  • Gustavo Caran, Projeto Fartura Gastronomia
  • Henrique Passini, Est! Est! Est!
  • Ivo Faria – Vecchio Sogno,
  • Leonardo Paixão – Glouton
  • Luciano Gambarini – Jatobá Orgânico
  • Luiz Carlos Braga – Mercado Central de Belo Horizonteaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
  • Patrícia Soutto-Mayor – Buffet Célia Soutto-Mayor
  • Paulo Furst – Cervejaria Fürst Bier
  • Rodolfo Mayer – Angatu
  • Rodrigo Lopes – Cachaça Prosa Mineira
  • Sebastião Afonso da Silva – Café Sítio São Sebastião
  • Tanea Romão – Kitanda Brasil
  • Tatiana Paro – Cervejaria Backer
  • Bar Já tô inno – vencedor Festival Comida di buteco
  • Cachaça Prosa Mineira – Santa Rita de Caldas-MG
  • Cervejaria Backer
  • Cervejaria Seu Romão – vencedor Festival Botecar
  • Festa da Quitanda de Barão de Cocais-MG: Cleide Silva – vencedora na categoria mirim
  • Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de MG – EMATER-MG
  • Festival da Quitanda de Congonhas-MG
  • Jardim das Ervas Dei Falci
  • Laticínios Cruzília – Cruzília-MG
  • Luiz Porto Vinhos Finos – Cordislândia-MG
  • Márcia Martini – Frente da Gastronomia Mineira
  • Mercado Central de Belo Horizonte
  • Mercearia Paraopeba – Itabirito-MG
  • Secretaria de Desenvolvimento Agrário – SEDA: Nadiella Monteiro
  • Produção artesanal de pães de queijo de Paracatu-MG
  • Projeto “Como Sabará” – Sabará-MG: Milsane de Paula
  • Projeto “Aproxima” e “Sou da favela”: Eduardo Maya
  • Projeto Origem Minas – Sebrae-MG
  • Unique Cafés Especiais – Carmo de Minas-MG

Premio Eduardo Frieiro

  • Mestras Mineiras
  • Dona Lucinha Nunes – Restaurante Dona Lucinha
  • Dona Nelsa Trombino – Restaurante Xapuri
  • Festival da Quitanda de Congonhas do Campo
  • Categoria Prata da Casa: Terezinha de Souza
  • Categoria Regional: Noeme Madalena
  • Festival da Quitanda Barão de Cocais: Cristiane Ferreira da Silva
  • Festival de Pratos Típicos de Desterro do Melo: Leandro Pinheiro Luna
  • Festival Gastronômico de Monte Verde: Prefeito Edmar Dias
  • Festival Igarapé Bem Temperado: Maria Nunes da Silva – Mestra Maria do Sindicato
  • Festival Boa Mesa Caxambu: Amaro Gadbem
  • Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba: Alceir de Andrade da Silva
  • Festival Comida di Buteco: Washington Grenfell – Buteco Já tô inno
  • Destaque Cachaça Mineira: Paulo César Rodrigues – Taverna de Minas
  • Cerveja Especial: Marco Falcone – Falke Bier
  • Destaque Empório Mineiro: Laura Cota – De-lá
  • Destaque pela Valorização da Cultura Gastronômica: Eduardo Avelar
  • Festival de Gastronomia Rural de Itapecerica: Paulo Donizete Pereira
  • Festival Botecar: Leonardo Marques
  • Destaque Café das Matas de Minas: José Alexandre Abreu de Lacerda – Café Forquilha do Rio
  • Destaque Queijo da Serra da Canastra: Guilherme Ferreira – Estância Capim Canastra
  • Destaque Festival de Jabuticaba de Sabará: Déa Ramalho Evangelista
  • Festivais de Tiradentes e Fartura: Rodrigo Ferraz